79

Conversando sobre família
18/10/2017

Texto Bíblico: Hebreus 10:24

Há duas palavras neste texto essenciais para formação da auto-estima. A primeira delas é “consideração”. Saber que alguém se importa e nos olha com atenção, ter alguém que escute e se interesse por nossos problemas é tudo que queremos em alguns momentos da vida.

A segunda palavra é “estímulo”. Reconheço que o modelo de vida que adotamos é profundamente desgastante. Metas, prazos, compromissos são gerenciadores implacáveis do tempo e da saúde.

A família deveria ser espaço para cultivo destas duas preciosas atitudes. Mas acabamos substituindo a consideração por indiferença e o estímulo por cobranças e críticas constantes.

Dizem que para cada dez comentários negativos, costumamos fazer um comentário positivo e que seriam necessárias quatro palavras positivas para minimizar os efeitos de uma palavra negativa.

Precisamos decididamente abandonar algumas atitudes: Estar sempre muito ocupado; não cumprir promessas; trair confidências; usar de sarcasmo e provocação...

Grande parte do comportamento humano é determinado pela lei do estímulo e resposta. Mesmo inconsciente, registramos palavras, atitudes, situações, gestos que acabam se transformando em estímulos para as nossas ações futuras. “Aquilo que o homem semear, isso também ceifará”. Gl 6:7

Liberte-se, não permita que sua vida seja determinada por coisas desagradáveis que um dia você ouviu. Invista nas pessoas, consideração e estímulo podem mudar a face de sua família.

(Pr. Roberto Amorim de Menezes)