77

IBFarol, uma igreja missionária
16/10/2017

Texto Bíblico: Salmo 126.3

Entrei para o rol de membros da Igreja Batista do Farol no dia 30 de junho de 2002, quando desci às águas do meu batismo ministrado pelo Pastor Roberto Amorim. Mas, muito tempo antes, desse dia maravilhoso, a Igreja Batista do Farol entrou na minha vida através do Pastor José Guedes dos Santos e a sua esposa Luiza, quando eles iam na casa da minha irmã biológica, Irene Rabello, e nos ministrava a Palavra de Deus. Depois veio o Núcleo Familiar, em várias residências, mas também na casa da minha irmã Irene, eram encontros maravilhosos de comunhão, de oração e de estudo bíblico, dirigidos pelo Pastor Marcos Vinicius Bomfim de Araújo e depois pelo casal de Diáconos Joel Borner e a sua esposa Ruth, foram momentos de grande crescimento espiritual. Tive também a grande felicidade de fazer o treinamento de Discipulado Cristão, ministrado pelo Pr. Marcos, a sua esposa Sylvia e a irmã Lizete Perruci, através dos livros: Segue-me 1 e 2, a Mente de Cristo e Conhecendo Deus e Fazendo sua Vontade. Depois desse discipulado, fui ser, pela misericórdia de Deus, professora da EBD na Classe Escolar II. Hoje eu sou muito feliz em pertencer a Igreja Batista do Farol, uma igreja séria, forte, ativa e missionária, e de ter recebido dela, os fundamentos de minha fé. Para mim a Igreja Batista do Farol, foi e continuará sendo um farol que iluminou e continuará iluminando a minha vida, o meu crescimento espiritual e a minha oportunidade de servir a Deus. Pois hoje eu faço parte: do Projeto Dorcas, dos cultos de oração da sexta-feira às 7h da manhã (dirigidos divinamente pelo Pastor Luiz Carlos Barreto), do Coral Magnificat e da Comissão de Recepção e Introdução. Que a Graça redentora de Nosso Senhor Jesus Cristo continue me abençoando, abençoando os meus filhos e abençoando a Igreja Batista do Farol.

(Lúcia Maria da Silva Bandeira é seminarista de Teologia no SETBAL)